RÁDIO CIDADE AO VIVO

Ouça pela Rádios Net ou clique na imagem abaixo

Ouça pelo Listen 2 My Rádio ou clique na imagem abaixo

Imagem relacionada
Loading ...

sexta-feira, junho 30, 2017

Incêndio atinge mercadinho no centro da cidade de Governador Dix-Sept Rosado, RN


Um incêndio atingiu na manhã desta sexta-feira (30), a Rede 10 Supermercado localizada na Rua Manuel Salvando, na Rodovia Estadual, RN 117 na cidade de Governador Dix-Sept Rosado, na Região Oeste do estado do Rio Grande do Norte.

De acordo com informações repassadas à redação do Icém Caraúbas, as chamas foram controladas por populares e carros pipas. Não houve registro de vítimas. 

Ainda de acordo com informações, o incêndio pode ter sido provocado por um curto-circuito nas instalações dos computadores.


Fonte: Icém Caraúbas
Leia Mais ››

Ladrões roubam dezenas de cabeças de gado do Curral do Matadouro Público de Caraúbas-RN


Ladrões roubaram dezenas de cabeça de gado do Curral do Matadouro Público da cidade de Caraúbas, na Região Oeste Potiguar, na madrugada desta sexta-feira (30). Homens armados invadiram o local em uma caminhonete e levaram os animais que pertencia aos marchantes da cidade.

Logo pela manhã, quando o pessoal chegou para abater os animais no curral do Matadouro Público, que fica as margens da Rodovia Estadual, RN 117, não encontraram nada. Eles (assaltantes) encheram o caminhão de gado, quando faltava colocar três, o veículo não coube, e os animas foram soutos na RN 117.

Até o fechamento da reportagem do Icém Caraúbas, ninguém soube informar o paradeiro dos animais e quem teria praticado a ação. O caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Caraúbas.

Fonte: Icém Caraúbas
Leia Mais ››

Polícia prende homem por ameaçar a companheira e tentar agredir a filha de 04 anos de idade na cidade de Pendências


A Polícia Civil e Militar de Pendências, prenderam na noite de quinta-feira, (29/06/2017), a pessoa de FRANCISCO DAS CHAGAS SILVA DO NASCIMENTO, conhecido por LÓ. O mesmo foi preso após ameaçar sua companheira e tentar agredir a filha da mesma de 04 anos de idade.

Fonte: Focoelho
Leia Mais ››

Incêndio destrói parte de escola na Zona Leste de Natal

Refeitório da escola ficou destruído (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Na noite desta quinta-feira (29), um incêndio destruiu parte da Escola Municipal Professora Mareci Gomes dos Santos, localizada no bairro Paço da Pátria, na Zona Leste de Natal. A Polícia Civil ainda está investigando as causas do incidente, que pode ter sido provocado por um rojão.
O fogo começou no refeitório e danificou o telhado e a instalação elétrica, além de mesas, cadeiras, ventiladores e um bebedouro. Segundo testemunhas, o incêndio começou por volta das 22h30.
A escola tem vigilância 24 horas por dia, mas o porteiro não teria ido trabalhar nesta quinta. Sem as chaves, moradores da vizinhança arrombaram as portas para pegar os extintores e tentar apagar o fogo.
Peritos estiveram na escola na manhã desta sexta-feira (30) para averiguar as causas do incêndio. De acordo com a Polícia Civil, o laudo que pode revelar o que provocou o incidente fica pronto em 14 dias.
Segundo a diretora da escola, Kátia Fonseca, moradores relataram que uma festa estava acontecendo na vizinhança na hora do ocorrido e fogos de artifício teriam caído no telhado do refeitório.
A escola atende 370 alunos do Ensino Fundamental. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, o recomeço das aulas está previsto para o dia 11 de julho, mas a diretora informou que ele pode ser adiado dependendo do andamento da reforma.

Escola atende 370 alunos do Ensino Fundamental (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Escola atende 370 alunos do Ensino Fundamental (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)

Fonte: G1
Leia Mais ››

Carlos Marun assume vaga de suplente na comissão que analisará denúncia de Temer

Deputado do PMDB é um dos mais combativos defensores do governo Temer no parlamento (Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Integrante da "tropa de choque" do presidente Michel Temer no Congresso Nacional, o deputado Carlos Marun (PMDB-MS) foi nomeado nesta sexta-feira (30) suplente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, colegiado que analisará a denúncia de corrupção passiva contra o chefe do Executivo federal.
Composta por 67 deputados titulares e outros 67 suplentes, a CCJ vai elaborar um parecer sobre a denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra Temer, recomendando que o processo prossiga no Poder Judiciário ou que seja rejeitado. Depois, o relatório será votado pelo plenário da comissão.
Marun vai substituir no colegiado o deputado Valtenir Pereira (PSB-MT), que era do PMDB, mas mudou de partido.
Na vaga de suplente, Carlos Marun terá direito a votar na comissão se algum membro titular do bloco do PMDB estiver ausente.
A assessoria de imprensa da liderança do PMDB na Câmara informou que a nomeação “não tem nada a ver com troca de deputado por voto”.
O partido explicou que Valtenir Pereira mudou de sigla e, como a vaga é de direito do PMDB, foi realocada para um membro da bancada.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Depen mantém suspensão de visitas sociais e íntimas em presídios federais

Determinação foi imposta após a morte da psicóloga Melissa Almeida, em maio; ela trabalhava na Penitenciária Federal de Catanduvas (PR) (Foto: Isaac Amorim/Ministério da Justiça)

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen) prorrogou a suspensão das visitas íntimas e sociais nos quatro presídios de segurança máxima do país por mais 30 dias. Até o dia 28 de julho, as visitas nas penitenciárias de Catanduvas, no oeste do Paraná, Mossoró (RN), Campo Grande (MS) e Porto Velho (RO). serão permitidas apenas por meio de videoconferências e nos parlatórios, sem contato físico.
A portaria 327, que estabelece regras temporárias de segurança e foi divulgada no Diário Oficial da União desta sexta-feira (30) leva em conta, entre outros, a morte de três agentes penitenciários federais.
O primeiro caso é o do agente Alex Belarmino Almeida da Silva, morto a tiros em setembro de 2016 em Cascavel. Ele foi assassinado em uma emboscada quando seguia para a penitenciária de Catanduvas.
De acordo com a Polícia Federal, o crime foi encomendado por uma organização criminosa. O processo é mantido em segredo de justiça.
No dia 25 de maio, a psicóloga Melissa Almeida que também trabalhava em Catanduvas, foi assassinada quando chegava em casa com os filhos e o marido, policial civil. O caso ainda não foi concluído.
Além dos agentes federais do Paraná, em abril foi morto o agente Henry Charles Gama Filho, que atuava na penitenciária de Mossoró (RN).

Fonte: G1
Leia Mais ››

Petrobras poderá reajustar preços de combustível todo dia para recuperar mercado

Posto de gasolina em Manaus (Foto: Adneison Severiano/G1 AM)

A Petrobras revisou nesta sexta-feira (30) a política de preços do diesel e da gasolina, dando certa liberdade para que a área de marketing e comercialização da empresa reajuste as cotações na refinaria de forma mais frequente, inclusive diariamente, em busca de maior competitividade e com o objetivo principal de recuperar receita e participação de mercado.
As premissas da política de preços que tem menos de um ano, entretanto, estão mantidas, garantindo que a empresa mantenha sempre os preços dos dois combustíveis acima da paridade de importação. Ao agir dentro da lógica do mercado, a Petrobras também abre espaço para concorrentes importarem os derivados de petróleo.
A partir da nova orientação, que começa a valer em 3 de julho, a área técnica de marketing e comercialização da Petrobras poderá realizar ajustes sempre que achar necessário, dentro de uma faixa determinada, de redução de 7% a alta de 7% -- a orientação anterior era de reajuste ao menos uma vez por mês.
A margem de referência será determinada e também reavaliada sempre que necessário pelo Grupo Executivo de Mercado e Preços (Gemp), composto pelo presidente da Petrobras e os diretores executivos de Gás e Refino e de Finanças e Relação com Investidores.
Com a mudança, o diretor de Refino e Gás Natural, Jorge Celestino, disse a jornalistas que a empresa inaugura um novo ciclo, no qual a empresa buscará que as mudanças de preços sejam mais naturais, como ocorre com commodities em todo mundo.
"O que a gente vai ter é reajustes mais frequentes, podendo ser até diariamente, com isso, dando mais competitividade certamente com reflexos positivos para o consumidor, promovendo maior competição no mercado", afirmou Celestino a jornalistas.
Toda vez que a Petrobras realizar uma alteração de preços na gasolina ou no diesel vendido nas refinarias, a informação será publicada em uma página na internet.
A mudança foi implementada após o Gemp avaliar que os ajustes que vinham sendo praticados, desde o lançamento da nova política, em outubro de 2016, não estavam sendo suficientes para acompanhar a volatilidade crescente da taxa de câmbio e das cotações de petróleo e derivados.
"A companhia tem que reagir a perda de mercado... queremos recuperar o 'market share' que perdemos", afirmou o diretor financeiro da Petrobras, Ivan Monteiro, também na coletiva de imprensa.
"A importação está crescendo, importação crescendo significa que Petrobras está perdendo 'market share'", acrescentou ele, sem detalhar a fatia perdida.
Como exemplo, a Petrobras prevê que as importações de diesel por terceiros alcancem 1,2 milhão de metros cúbicos em junho, ante 959 mil m3 em maio. Já as importações por terceiros de gasolina deverão atingir 290 mil m3 em junho, ante 311 mil m3 em maio.
Um problema adicional da perda de mercado da Petrobras, segundo Monteiro, é a redução da utilização da capacidade do parque de refino, que segundo ele está começando a atingir um nível baixo que não é adequado para o funcionamento do parque.
"O grande beneficiário dessa nova política é o nosso cliente. O que a área comercial pediu foi para que a gente dê ferramentas para que a empresa possa encantar o cliente, reconquistá-lo, porque parte disso foi perdido para o mercado", afirmou Monteiro.
No último reajuste, em 14 de junho, a Petrobras reduziu o preço médio da gasolina nas refinarias em 2,3% e do diesel em 5,8%, citando posteriormente preocupação devido à concorrência com produtos importados.
Reajustes mais frequentes com nova política podem trazer alguma volatilidade para o item combustível no IPCA, uma vez que os preços irão variar conforme o petróleo e o câmbio. Porém nada que tenha um impacto relevante sobre a inflação, de acordo com analistas.

"Grosso modo, não muda nada, dá na mesma. Continua sendo uma coisa muito mais de acompanhar o petróleo e o câmbio", destacou o economista-chefe do banco de investimento Haitong Jankiel Santos.
Os preços dos combustíveis vêm ajudando a aliviar os preços dos transportes e favorecendo a forte desaceleração da inflação. O IPCA-15, prévia da inflação oficial, mostrou que em junho o item caiu 0,66%, levando a uma queda de 0,10% nos custos de transportes.
Plano de negócios
Para Monteiro, a nova frequência de ajustes de preços permitirá que a empresa reforce a entrega do Plano de Negócios e Gestão 2017-2021, que segundo ele está sendo cumprido.
O executivo destacou ainda que a empresa não prevê fazer uma revisão profunda do plano de negócios, como foi feito na história recente da empresa, já que as premissas atuais, em sua avaliação, estão claras e serão mantidas.
"Todo ano a Petrobras discutia a relação, discutia todas as suas principais atividades e a gente tem um foco claro na Petrobras que é o aumento da produção de petróleo e gás dado a qualidade do pré-sal. Esse é o nosso foco", disse Monteiro.
Ajustes pontuais de orçamento, no entanto, poderão acontecer conforme o necessário, mas o executivo não quis dar mais detalhes e nem informar prazos, uma vez que não tem nada definido.
"A gente não vai no fim do ano discutir se a Petrobras vai ou não produzir petróleo... Agora, os aperfeiçoamentos para a base orçamentária anual, isso sempre ocorre", afirmou.
Sobre a busca por parceiros na área de refino, os executivos explicaram que o modelo que será seguido ainda está em elaboração dentro da empresa.
A Petrobras não planeja terminar a segunda unidade de refino da Refinaria Abreu e Lima (Rnest), em Pernambuco, nem a refinaria do Comperj, no Rio de Janeiro, sem que haja um sócio para suportar novos investimentos.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Trump diz que 'paciência estratégica' com Coreia do Norte chegou ao fim

Presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in, e líder norte-americano, Donald Trump, discursam após encontro na Casa Branca (Foto: Brendan Smialowski / AFP)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta sexta-feira (30) que os programas nuclear e de mísseis balísticos da Coreia do Norte requerem uma "resposta determinada" e que a era de "paciência estratégica" com o governo norte-coreano acabou.
"A era de paciência estratégica com o regime da Coreia do Norte tem fracassado... Francamente, essa paciência acabou", disse Trump na Casa Branca, em uma declaração conjunta com o presidente da Coreia do Sul, Moon Jae-in.
"Nós estamos trabalhando intimamente com a Coreia do Sul e com o Japão, assim como com parceiros por todo o mundo, em uma gama de medidas diplomáticas, de segurança e econômicas para proteger nossos aliados e nossos próprios cidadãos dessa ameaça conhecida como Coreia do Norte", disse Trump.
Ao fim da coletiva conjunta, Moon Jae-in informou que Trump realizará este ano uma visita a Seul.
"Convidei o presidente Trump à Coreia este ano, e ele gentilmente aceitou o convite", afirmou Moon durante um breve pronunciamento nos jardinas da sede presidencial.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Excesso de peso causou acidente com ‘pau de arara’ que matou cinco em Cocal, diz polícia

Perícia indica que excesso de peso causou acidente em Cocal (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Maria Pedro da Silva Veras, 61 anos, e sua filha Antônia Erika Silva Veras, 17 anos, foram duas das vítimas do acidente que deixou cinco mortos nessa quinta-feira (29) na PI-213, em Cocal, 268 km ao Norte de Teresina. Segundo o policial civil Valter Brune, o excesso de peso da caminhonete que fazia transporte de pessoas no esquema de ‘pau de arara’ foi a causa do acidente.
“A perícia nos informou que com o excesso de peso, já que o veículo levava 12 pessoas, o eixo de um dos pneus traseiros cedeu e a roda tocou na lataria da caminhonete. O pneu estourou, o condutor perdeu o controle e o veículo capotou atingindo a motocicleta”, disse o policial.
Os outros mortos que estavam na caminhonete são Antônia Silva Veras, 44 anos e Antônio Albino da Silva, 48 anos. Na motocicleta que foi atingida pelo veículo estava Raimundo Nonato de Araújo, 31 anos. A caminhonete seguia em direção a Cocal e Raimundo no sentido contrário.
O acidente deixou cinco mortos e oito feridos. Seis permanecem no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde, em Parnaíba, sem risco de morrer.
Os feridos ainda não foram identificados e entre eles está o condutor da caminhonete. De acordo com o policial civil Valter Brune ele pode responder por homicídio doloso qualificado. A perícia da polícia civil vai ouvi-lo na próxima semana, porque os médicos informaram que ele ainda não tem condições de falar sobre o acidente.
“Ele está bem, mas os médicos nos informaram que ele pode ter tido uma perda de memória recente com o impacto. Aos poucos isso vai se recuperando e ele poderá nos prestar informações. Não temos pressa, vamos aguardar para colher o depoimento dele”, informou.
O policial civil disse que o acidente poderia ter sido ainda mais grave, porque a caminhonete transportava botijões de gás que poderiam ter explodido na colisão.
A situação do veículo era irregular, porque não podia fazer transporte de passageiros. Eles seguiam na carroceria da caminhonete. Além disso, os pneus estavam lisos, oferecendo risco.

Acidente com 'pau de arara' deixou cinco mortos (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Acidente com 'pau de arara' deixou cinco mortos (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Fonte: G1
Leia Mais ››

França atribui ataque químico na Síria ao governo Assad

Homem socorre criança após suposto ataque químico em Idlib, no norte da Síria, nesta terça-feira (4)  (Foto: Edlib Media Center, via AP)

O serviço de inteligência da França atribuiu nesta sexta-feira (30) o ataque com gás sarin contra a cidade de Khan Sheikhoun, que deixou mais de 80 mortos e mais de 200 feridos, ao governo de Bashar al-Assad.
A Organização para a Proibição das Armas Químicas (Opaq) divulgou em relatório nesta sexta em que também conclui que o gás foi utilizado na ação de 4 de abril, na província de Idlib, embora não tenha mencionado quem seria o responsável pelo ataque. Entre as vítimas, estavam várias crianças.
A agressão levou os Estados Unidos a lançarem um ataque com mísseis de cruzeiro a uma base aérea da Síria, a primeira operação militar deliberada norte-americana contra o governo de Assad nos mais de seis anos de conflito.
O documento francês, de seis páginas, elaborado pelos militares e pelos serviços de inteligência estrangeira da França e visto pela Reuters - disse que Assad ou membros de seu círculo íntimo ordenaram o ataque.
Em entrevistas concedidas desde 4 de abril, Assad disse que os indícios de um ataque com gás venenoso são falsos e negou que seu governo já tenha utilizado armas químicas.
Amostras obtidas no local do impacto e de uma amostra de sangue de uma vítima apontaram a presença do gás sarin. De acordo com o estudo francês, entre os elementos encontrados nas amostras estava a hexamina, uma marca registrada do sarin produzido pelo governo sírio.
"Sabemos de uma certa fonte que o processo de fabricação das amostras tiradas é típico do método desenvolvido em laboratórios sírios", afirmou o ministro das Relações Exteriores francês, Jean-Marc Ayrault.
"Este método é a assinatura do regime e é o que nos permite estabelecer a responsabilidade do ataque. Sabemos porque guardamos amostras de ataques anteriores que conseguimos usar para comparar".
O documento disse que as descobertas combinaram com os resultados de amostras obtidas pela inteligência da França, incluindo uma granada intacta, de um ataque em Saraqib em 29 de abril de 2013, que potências ocidentais acusaram Damasco de ter levado a cabo.

Bebê é atendido após suspeita de ataque com produtos químicos em Khan Sheikhun, em Idlib, no norte da Síria  (Foto: Mohamed al-Bakour / AFP)
Bebê é atendido após suspeita de ataque com produtos químicos em Khan Sheikhun, em Idlib, no norte da Síria (Foto: Mohamed al-Bakour / AFP)

O relatório também disse que os serviços de inteligência têm conhecimento de um caça Sukhoi 22 do governo sírio que alvejou Khan Sheikhoun seis vezes em 4 de abril e que amostra coletadas no local são compatíveis com um projétil de lançamento aéreo que continha munições repletas de sarin.
O documento ainda disse que os grupos jihadistas da área não têm capacidade para desenvolver e lançar tal ataque e que o Estado Islâmico não estava na região.
Essa não é a primeira vez que a utilização do gás sarin foi apontada. Em abril, o embaixador da Grã-Bretanha na Organização das Nações Unidas (ONU), Matthew Rycroft, afirmou que cientistas britânicos encontraram indícios de gás sarin ou substância semelhante no ataque.
O sarin inibe a ação de uma enzima que desativa os sinais que as células nervosas humanas transmitem aos músculos para relaxá-los. Isso faz com que o coração e outros músculos - incluindo os envolvidos na respiração - tenham espasmos. A exposição ao gás pode causar desmaios, convulsões e levar à morte por asfixia em minutos.
Opaq
As descobertas da Opaq serão abordadas por um painel conjunto com Organização das Nações Unidas para determinar se as forças do governo sírio estão por trás do ataque.

"O lançamento que causou essa exposição provavelmente foi iniciado no local onde agora há uma cratera na estrada. A conclusão da missão de pesquisa é que tal lançamento só pode ser determinado como o uso de sarin, como uma arma química", diz o relatório.
O mecanismo de investigação conjunta Opaq-ONU já determinou que as forças do governo sírio foram responsáveis pelos ataques em três vilarejos com cloro em 2014 e 2015, e que o grupo Estado Islâmico usou gás mostarda em 2015.
Uma equipe da missão de investigação da Opaq foi designada para investigar 24 horas depois do alerta sobre o ataque, mas que por motivos de segurança esse grupo não pôs visitar a cidade.
O grupo participou de autópsias e recopilou amostras biomédicas dos feridos, entrevistou testemunhas e recebeu amostras do entorno ambiental.

Fonte: G1
Leia Mais ››

WhatsApp adia fim do app em celulares antigos; veja novas datas

Aplicativos do Facebook e WhatsApp no iPhone (Foto: Justin Sullivan/Getty Images/AFP)

O WhatsApp adiou o fim do funcionamento do aplicativo em celulares com sistemas operacionais antigos ou com baixa adesão ao sistema. O encerramento ocorreria nesta sexta-feira (30), mas alguns deles foram programados para ocorrer apenas em 2020.

As novas datas de encerramento são as seguintes:

BlackBerry OS e BlackBerry 10: 31 de dezembro de 2017;
Nokia S40: 31 de dezembro de 2018;
Nokia Symbian S60: 30 de junho de 2017;
Windows Phone 8.0 e versões anteriores: 31 de dezembro de 2017;
Android 2.3.7 e versões anteriores: 1º de fevereiro de 2020

O único modelo que continuou na lista e deve parar de poder acessar o WhatsApp é o iPhone 3GS, que roda o sistema operacional iOS 6.
O WhatsApp informa que, ainda que não vá encerrar imediatamente o suporte para as esses sistemas, alguns recursos podem parar de funcionar “devido a não desenvolvermos ativamente para estar plataformas”.
“Estas plataformas possuem certas limitações que nos impedem de expandir nossos recursos no futuro. Caso você seja usuário de alguma destas plataformas, e queira continuar utilizando o WhatsApp, nós recomendamos que troque seu aparelho por um mais atual”, informa o aplicativo de mensagem.
Código de Defesa do Consumidor
Essa é a segunda vez que o WhatsApp adia o fim do serviço nesses sistemas, marcado inicialmente para 2016.
Em junho, a Proteste havia notificado o Facebook, dono do WhatsApp. A associação de defesa do consumidor contestava a decisão, que classificou de “obsolescência programada”. “É um desrespeito ao consumidor, especialmente por quem opta por utilizar um aparelho mais antigo, uma vez que o acesso ao serviço de telefonia é provido por todas as operadoras do país.”
Para a Proteste, o encerramento vai contra o Código de Defesa do Consumidor, que, em seu artigo 39, enquadra quem “recusar a venda de bens ou a prestação de serviços, diretamente a quem se disponha a adquiri-los mediante pronto pagamento”.
A oferta do serviço deveria ser feita, afirma a Proteste, enquanto o aparelho funcionar. A associação contesta ainda o argumento do WhatsApp de que algumas das plataformas em que o app deixará de funcionar já não atendem muitos usuários – o índice chega a 0,5%.
“Mesmo que seja uma parte ínfima do total, não se pode forçar o consumidor a consumir um novo aparelho, o que entendemos ser um desrespeito ao CDC e ao consumidor”, afirmou Henrique Lian, diretor de relações institucionais da Proteste.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Estuprador foragido há um mês é suspeito de voltar a violentar mãe e filha


Preso como estuprador, ‘Galo Cego’ pode ter voltado a atacar. O suspeito que está foragido do Centro de Detenção Provisória de Nova Parnamirim, onde cumpria pena por estupro, desde o dia 31 de maio é suspeito de fazer mais uma vítima em Parnamirim, mesma cidade onde ocorreu o crime que o levou à prisão.

Na tarde dessa quinta-feira, 29, Galo Cego teria estuprado uma mulher de 28 anos. De acordo com fontes policiais, ele havia roubado o celular da vítima e pediu que ela decidisse se deixaria que ele a estuprasse ou se preferia a filha de 12 anos, que também estava no local, no lugar dela. Diante da situação, a mãe teria optado em ser violentada.

Passado do suspeito

Jeová Soares de Lima, o Galo Cego, foi preso pelo estupro de mãe e filha, em novembro de 2015, na frente do homem que é marido e pai das vítimas, respectivamente. O caso ocorreu em Parnamirim, onde fica o CDP em que Galo Cego estava preso antes de fugir.

De acordo com a Polícia Militar, no dia 24 de novembro de 2015, um homem estava em casa com os filhos, uma garota de 14 anos e dois meninos de sete e 11 anos, quando o foragido invadiu a casa com um comparsa, Euclides Tomaz.

Galo Cego e o sócio fizeram um rapa na residência. Os homens estavam se preparando para sair do local, com os objetos roubados, quando a dona da casa chegou. Ela e a filha, que como dito anteriormente tinha 14 anos, foram estupradas na companhia dos familiares que estavam no lar.

Galo Cego já fugiu do CDP de Nova Parnamirim por duas vezes. A primeira ocorreu cerca de uma semana após ser preso, e durante um banho de sol. Ele foi recapturado horas depois.

Fonte: Portal no Ar
Leia Mais ››

Profissionais do futuro terão que dominar tecnologia e ser empreendedores


O domínio dos dados, da tecnologia e o empreendedorismo serão características imprescindíveis para o profissional do futuro. A inovação nas carreiras foi o principal tema debatido no Fórum IEL Profissionais Inovadores, realizado nesta quinta-feira (29), em São Paulo, pela Superintendência Nacional do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) em parceria com a o IEL-SP. Palestrante do evento, o cientista de dados Ricardo Cappra observou que a sua profissão não existia há quatro anos e, em poucos tempo, se tornou a ocupação mais valorizada dos Estados Unidos e a que oferece os melhores salários.

“Estamos vivendo numa era em que as coisas têm acontecido muito rapidamente. O dado hoje é uma forma de empoderamento, mas somente termos acesso aos dados não resolve os problemas do mundo, pois eles precisam ser analisados e transformados”, afirmou.

Segundo Cappra, todas as pessoas se tornarão analistas de dados em um futuro próximo. “Quem monitora o batimento cardíaco ou o numero de passos é um analista de dados. Todos serão analistas de dados, sem exceção. Isso não será opcional, será algo natural”, enfatizou.

Ricardo Cappra alertou que, nos próximos anos, será cada vez mais difícil as pessoas se esconderem ou não mostrarem quem realmente são, uma vez que serão sempre monitoradas. Ele disse também que o humano se relacionará com os robôs e que a tendência é que haja psicólogos especializados em tratar de pessoas com dificuldade para se relacionar com robôs. “Vocês estão trocando de alguma forma a privacidade ou os dados privados pelo recebimento de produtos mais direcionados e específicos. É uma troca. Eu entrego dados para receber melhores produtos para mim”, destacou.

ESTAR DISPONÍVEL PARA O NOVO – O empreendedorismo estará cada vez mais presente nos futuros profissionais, na avaliação da jornalista e empreendedora Mariana Castro, apesar de, segundo ele, o brasileiro não ser empreendedor, em geral. Ela contou que os que são empreendedores têm como característica o fato de terem trabalhado por muito tempo no mercado corporativo. De acordo com Mariana, a quantidade de empreendedores por oportunidade é mais consistente do que aqueles que são por necessidade. “Se você não está disponível para o novo, ele pode passar na sua frente que você não reconhece.

É preciso deixar a janela aberta”, frisou a autora do livro “Empreendedorismo criativo”.Atualmente, conforme dados apresentados por Mariana Castro, 36% dos brasileiros estão empreendendo. Ela alertou que ter um negócio está em quarto lugar no ranking de maiores sonhos do brasileiro, atrás de viajar pelo Brasil (1º), ter casa própria (2º) e ter um carro (3º).

O gerente de “Talent Acquisition” da Totvs, Rafael Brazão, resumiu o que a companhia espera de um jovem profissional. “A nossa empresa procura pessoas que têm energia para transformar”, frisou.

FÓRUM IEL – São Paulo recebeu pela primeira vez uma edição do Fórum IEL de Carreiras, com um diferencial: o evento teve como foco a cultura das carreiras profissionais para a inovação. As próximas edições do Fórum IEL estão marcadas para o segundo semestre, nas seguintes cidades: Salvador (25/8), Goiânia (14/9), Vitória (5/10) e Curitiba (26 e 27/10).

O superintendente nacional do IEL, Paulo Mól, alertou que o objetivo do Fórum IEL é abrir caminho para o estudante estruturar a sua carreira e empreender. “O importante é o jovem se autoconhecer para que possa tomar as decisões corretas. O mundo está rapidamente se transformando e as tomadas de decisões têm sido cada vez mais rápidas. Para ter sucesso, o jovem precisa se adaptar a essas transformações”, detalhou Mól.

Para o diretor da CNI em São Paulo e do IEL-SP, Carlos Alberto Pires, o Fórum IEL tem o diferencial de inspirar jovens a direcionar suas carreiras. Ele aconselhou o público a seguir o próprio dom no momento de escolher a profissão. “Use o seu melhor, faça o que você gosta. Se você seguir o seu dom estará no seu propósito e o dinheiro será consequência disso”, orientou. “O Brasil precisa de profissionais apaixonados e dedicados”, acrescentou.

A estudante de Artes Cênicas Fernanda Cortes, 21 anos, saiu animada do evento e com o firme propósito de empreender. “O Fórum IEL é muito interessante. As palestras me fizeram perceber que eu posso usar as minhas ideias para ser uma pessoa bem-sucedida no futuro e possa investir nas minhas ideias principalmente, pois elas não são descartáveis”, destacou.

Fonte: Portal da Indústria
Leia Mais ››

Ministro do STF permite que Aécio volte ao Senado


O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu restabelecer o mandato parlamentar do senador Aécio Neves (PSDB-MG). Ele havia sido afastado do cargo em 18 de maio por determinação da própria Corte e, desde então, não podia participar de atividades parlamentares, como votações e comissões.

O ministro também não acatou o pedido de prisão de Aécio feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

Em delação premiada à PGR, o empresário Joesley Batista, da JBS, entregou gravação na qual o senador tucano pedia R$ 2 milhões, que, segundo investigadores, seria propina. A defesa de Aécio alega que o dinheiro seria um empréstimo e não teria irregularidade.

O senador também é alvo de outras investigações no Supremo. O tucano é acusado pelos crimes de corrupção e obstrução de Justiça. Aécio também está afastado da presidência do partido.

Fonte: Estadão
Leia Mais ››

RN chega a marca de 1.200 homicídios


O número de assassinatos no Estado do Rio Grande do Norte chegou a marca de 1200 casos nos primeiros 180 dias do ano de 2017. A diferença desse mesmo registro em relação ao mesmo período do ano passado é de 22,8%. Os dados são do OBVIO (Observatório da Violência Letal Intencional no RN).

Segundo as pesquisas apresentadas na manhã desta sexta-feira (30), A cidade de Natal se destaca mais uma vez como palco da maioria das mortes violentas com 307 homicídios em seis meses, já em 2016 foram 297. Bairros como Nossa Senhora da Apresentação, Planalto e Mãe Luiza lideram o ranking.

Ainda de acordo com os dados do OBVIO as cidades de Mossoró, Parnamirim e São Gonçalo do Amarante somam juntas 258 crimes letais intencionais, porém os registros destacam o município de Ceará-Mirim que termina o primeiro semestre com um índice de violência nunca visto na região com 79 casos contra 45 no ano passado.

Em conversa com o PortalBO a secretária de Segurança Pública, Sheila Freitas disse que anunciará na semana que vem uma redução de assassinatos em boa parte dos municípios do Estado no mês de junho. "Sabemos que os números são preocupantes, mas nossa política de segurança vem apresentando resultados positivos, não pode ser do dia para a noite, mas estamos trabalhando muito", informou

Fonte: Portal BO
Leia Mais ››

Adolescentes infratores são liberados e policiais obrigados a deixá-los em casa


Policiais civis da delegacia de plantão zona Sul de Natal foram obrigados a deixar em casa três adolescentes infratores apreendidos nesta quinta-feira (29), de posse de armas de fogo e cometendo furtos. Os menores foram liberados horas depois e como nenhum familiar foi até a unidade para levá-los de volta a responsabilidade para a condução passou a ser da equipe.

De acordo com um dos agentes que preferiu não ser identificado o procedimento é uma determinação legal, porém bastante criticada pelos policiais. "Temos que cumprir o que rege a lei, mas é sempre muito difícil fazermos o deslocamento devido a demanda de ocorrências e nem sempre temos efetivo disponível", disse.

Além disso muitos desses adolescentes infratores moram em comunidades extremamente críticas no tocante a violência e esse detalhe coloca sempre em risco a integridade física dos agentes. Dois dos adolescentes liberados moram na cidade de São José de Mipibu e o terceiro na comunidade do Viatnã.

Fonte: Portal BO
Leia Mais ››

128º Homicídio em Mossoró 2017: Ex presidiário é morto a tiros e pedradas dentro de casa no Riacho Grande

Imagem

Mais uma morte violenta foi registrada no final da noite de quinta-feira, 29 de junho, no município de Mossoró no Rio Grande do Norte.

José Roberto Dias de Araújo, “Boró” de 34 anos de idade, foi morto com disparos de arma de fogo e pedradas, dentro de casa no Sitio Riacho Grande, zona rural de Mossoró.

Os criminosos invadiram o quartinho, onde “Boró” dormia, na casa da mãe dele e o mataram, com a utilização de uma pedra e pelo menos disparos de duas armas de fogo.

A equipe de perícia criminal encontrou, balins “chumbo” e fragmentos de munições de outra arma de fogo e uma pedra grande ao lado do corpo.

Segundo o perito Jader Viana, além dos tiros os criminosos usaram também a pedra.

Segundo informações, os elementos chegaram pela frente da casa. Enquanto uns tentavam quebrar a janela que dar para a rua, outros pularam o muro pela parte de trás da casa e quebraram a porta de madeira dos fundos do quartinho.

Boró já cumpriu pena por roubo e assalto, mas segundo familiares ele estava em liberdade. A polícia recebeu informações que os elementos estavam em pelo menos duas motocicletas grandes e teria fugido em direção a cidade de Mossoró.

Depois dos procedimentos realizados pelas equipes da Delegacia de Plantão e do Itep, o corpo de José Roberto Dias de Araújo foi removido e será necropsiado na base da Unidade Regional do Itep em Mossoró.

Fonte: O Câmera
Leia Mais ››

ALERTA TOTAL – PCC ordena execução de agentes do presídio federal de Mossoró

PCC já teria executado um agente de Mossoró no mês de abril

Agentes penitenciários que atuam em Mossoró, e em outros três presídios federais do País, encontram-se em alerta máximo para uma ameaça efetuada pelo Primeiro Comando da Capital (PCC).

Segundo memorando emitido pelo Departamento Penitenciário Nacional (Depen), órgão do Ministério da Justiça, o PCC determinou a morte de oito servidores do sistema penitenciário federal até esta sexta-feira (30).

Seriam dois assassinatos para cada penitenciária federal: Porto Velho (RO), Mossoró (RN), Campo Grande (MS) e Catanduvas (PR).

Em matéria veiculada no Portal UOL, três mortes já teriam sido registradas, e são atribuídas ao PCC. O agente Alex Belarmino Almeida Santos, 36, passava por um quebra-molas de uma rua de Cascavel (PR), quando um homem armado se aproximou dele e disparou vários tiros.

Ele foi atingido 18 vezes. Após o assassinato de Alex Belarmino, outro dois servidores foram mortos em ações do PCC. Em 12 de abril, o agente Henry Charles Gama Filho foi morto a tiros em um bar no bairro Boa Vista, em Mossoró (RN).

Em 25 de maio, Melissa Almeida, psicóloga do presídio federal de Catanduvas (PR), foi morta com dois tiros de fuzil na cabeça em frente a seu condomínio residencial, em Cascavel (PR). Para atingir a meta o PCC teria que executar mais cinco agentes até esta sexta-feira.

A iniciativa do grupo criminoso teria origem na suspensão das visitas íntimas de alguns detentos. As visitas estariam sendo utilizadas para o repasse de informações que norteavam as ações do PCC em todo o País.

Investigação encaminhada pela Polícia Federal identificou a articulação que resultou em prisões e na transferência do traficante Fernandinho Beira Mar, que atualmente encontra-se em Mossoró, sem direito a visitas íntimas.

Fonte: O Mossoroense
Leia Mais ››

Popular baleado na Favela do Fio é socorrido para o Tarcísio Maia

Imagem

No início da noite de ontem, 29 de junho, uma unidade do Samu foi acionada para a Favela do Fio em Mossoró com a informação de uma pessoa ferida por disparos de arma de fogo.

Marcos Celio Gomes da Silva de 43 anos de idade, foi encontrado dentro de uma casa na Travessa Petrônio Portela, apresentando várias perfurações, nas costas, pernas e braços.

Ele foi socorrido para o Hospital Regional Tarcisio Maia e segundo informações, seu estado de saúde requer cuidados especiais.

Foi a 5ª vítima baleada e socorrida para hospitais de Mossoró, nas ultimas 24 horas.

Fonte: O Câmera
Leia Mais ››

Popular é morto a tiros na cidade de Baraúna

Imagem

O histórico de violência homicida na cidade de Baraúna, no Oeste do Rio Grande do Norte, voltou com força em 2017. Estamos chegando ao meio do ano com o registro da 20ª morte violenta, provocada por disparos de arma de fogo em via pública.

A vítima desta quinta-feira, 29 de junho, André Vieira das Chagas "André do queijo", de 33 anos de idade, foi surpreendido e morto por elementos de motocicleta ao lado da Igreja Matriz no centro da cidade. Segundo informações ele trafegava de motocicleta no momento que foi morto.

Ainda segundo informações, “André do Queijo” era funcionário do supermercado Queiroz da cidade de Barauna. O corpo foi removido pela equipe de plantão no Itep em Mossoró.

Imagem

Fonte: O Câmera
Leia Mais ››

FPM: Municípios recebem nesta sexta (30) mais de R$ 1,8 bilhão referente ao terceiro decêndio


Os Municípios recebem nesta sexta-feira, 30 de junho, o repasse do terceiro decêndio de junho do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). O montante transferido será de R$ 1.812.945.815,29, já descontada a dedução do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A Confederação Nacional de Municípios (CNM) informa que em valores brutos, ou seja, incluindo a dedução do Fundeb, o valor do último decêndio deste mês é de R$ 2.266.182.269,11.

A CNM fez um comparativo do 3º decêndio de junho deste ano com o mesmo período de 2016. Nesse cenário, a entidade aponta aumento de 7,87% em termos nominais, isto é, comparando os valores sem considerar os efeitos da inflação. Quando é levado em conta o valor dos repasses em termos reais – as consequências da inflação – o aumento do 3º decêndio de junho em relação ao mesmo decêndio de 2016 é de 4,49%.

Repasses em 2017 - No acumulado de 2017, o FPM soma nominalmente R$ 46,950 bilhões frente aos R$ 42,923 no mesmo período do ano anterior. Em termos nominais, o somatório dos repasses cresceu 9,38% do ano passado para o ano corrente. Se forem considerados os efeitos da inflação, o crescimento real do somatório dos valores repassados de janeiro a junho de 2017, na comparação com o mesmo período do ano anterior, foi um pouco menor: de 4,92%.

Julho - Em particular, no mês de julho, o FPM apresenta uma forte queda devido à sazonalidade da arrecadação ao longo do ano. Ela ocorre em função dos níveis de atividade econômica típicos de cada período. Nesse contexto, a CNM lembra que o alento para o mês de julho é o repasse de 1% extra do FPM, uma conquista municipalista da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios e promulgada em 2014 por meio da Emenda Constitucional 84 daquele ano.

Essa medida altera o artigo 159 da Constituição Federal e eleva, gradativamente, os recursos repassados pela União para o Fundo. Assim, o repasse passa dos então 23,5% para 24,5% do produto da arrecadação do Imposto de Renda (IR) e do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI). Esse dispositivo constitucional veio no sentido de procurar normalizar a queda do FPM nesse mês.

Fonte: CNM
Leia Mais ››

FOTOS – Milhares de pessoas se despedem de vítimas da tragédia da RN-233

Despedida mobilizou milhares de pessoas

Milhares de pessoas acompanharam a despedida as vítimas da tragédia que vitimou quatro pessoas na tarde desta quarta-feira, 28, na RN-233, entre os municípios de Triunfo Potiguar e Paraú.

As homenagens foram iniciadas por volta das 8h desta quinta-feira , 29, em Pau dos Ferros, para onde foram levados os corpos da diretora do Campus da Universidades do Estado do Rio Grande do Norte Joseney Queiroz, seu filho, Daniel Queiroz,e sua mãe Josefa Gomes de Queiroz.

A jovem Bruna Queiroz de Carvalho foi levada para Natal onde foi velada e sepultada no Cemitério Morada da Paz no fim da tarde.

Em Pau dos Ferros, o velório foi iniciado na sede do Campus da Uern, onde Joseney Queiroz era diretora. As homenagens foram encaminhadas até às 14h quando foi iniciado o deslocamento para São Miguel. Terra natal de Joseney e Josefa.

Na cidade serrana o velório foi iniciado na Escola Eliziário Dias, onde Joseney Queiroz foi estudante. A missa de corpo presente foi realizada na igreja matriz de São Miguel, de onde os corpos partiram para o cemitério público, acompanhados por milhares de pessoas de toda a região.

O sepultamento ocorreu no início da noite em meio a homenagens e comoção.

HOMENAGENS – Figura pública e envolvida com importantes projetos educacionais e sociais na região, a professora Joseney Queiroz recebeu inúmeras homenagens partindo de vários pontos do estado.

A Universidade do Estado do Rio Grande do Norte decretou ainda na quinta-feira luto oficial de três dias pela perda da sua dirigente.

As prefeituras de Pau dos Ferros, Portalegre, Riacho da Cruz, e São Miguel, emitiram votos de pesar.  Entidades de representação da região, também externaram pesar pela perda de Joseney e demais vítimas do acidente, além da deputada federal Zenaide Maia e da senadora Fátima Bezerra.

sm4

sm6

sm5

sm3

Despedida mobilizou milhares de pessoas

sm

Fonte: O Mossoroense
Leia Mais ››

BNB anuncia redução de juros para capital de giro

Queda nas taxas variam de 15% a 20%, a depender do porte 
do empreendimento, e valem para toda a área de atuação

O presidente do Banco do Nordeste, Marcos Costa Holanda, anunciou ontem, 28, redução das taxas de juros do Giro Insumos, linha de crédito de capital de giro da instituição, com queda de 15% a 20% nos encargos. A novidade foi divulgada durante coletiva de imprensa realizada na sede do Banco do Nordeste, em Fortaleza.

Com a medida, os juros para essa modalidade de crédito passam de 0,95% e 1,04% ao mês para 0,88% mensais, no caso de empresas com faturamento até R$ 16 milhões ao ano. Para faturamento entre R$ 16 milhões e R$ 90 milhões anuais, as taxas, que variavam entre 1,16% e 1,54% ao mês, caem para 0,95% e 1,04% mensais. No caso de empresas com faturamento acima de R$ 90 milhões ao ano, os encargos de 1,30% e 1,78% passam a variar de 1,12% a 1,32% mensais.

Marcos Holanda explicou que a redução foi possível em virtude do aumento da participação de recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE) na composição do funding do Giro Insumos.

“Dadas as circunstâncias econômicas, a demanda por capital de giro é cada vez mais importante, já que as empresas precisam desse recurso para aumentar sua produção e seu faturamento. Graças ao diferencial competitivo do FNE, o Banco do Nordeste pode reduzir, de maneira substancial, os encargos cobrados para essa linha de crédito. Com isso, passamos a negociar crédito, em média, pela metade dos juros praticados pelos bancos privados”, afirmou.

Para o presidente, a redução reforça a importância do FNE para o desenvolvimento econômico da Região. “O Nordeste normalmente sofre mais em épocas de recuo da atividade econômica e, por isso, é importante a Região dispor de um instrumento capaz de contribuir para a reanimação de sua economia de forma mais ágil”, disse.

Ele ressaltou ainda que, afora as baixas taxas de juros, os prazos mais longos contam também como vantagem para as linhas de crédito do BNB em relação às ofertadas no mercado.

Giro Insumos

Linha de crédito de capital de giro do Banco do Nordeste, o Giro Insumos apoia a produção industrial e agroindustrial e as atividades turística, comercial e de prestação de serviços com o financiamento da aquisição isolada de matérias-primas e insumos, mercadorias (inclusive máquinas e veículos).

Fonte: O Mossoroense
Leia Mais ››

Para Maia, Câmara deveria cancelar recesso para analisar denúncia contra Temer

Rodrigo Maia participou de encontro com empresários e policitos em Uberlândia (Foto: Fernanda Vieira/G1)

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), comentou na noite de quinta-feira (29) em Uberlândia (MG), que acha positiva a suspensão das férias dos parlamentares enquanto não sair a definição da denúncia contra Michel Temer (PMDB). Contudo, afirmou que esta é uma decisão do plenário.
“Hoje o presidente da Câmara e do Senado não tem mais a prerrogativa individualmente de suprimir o recesso. Essa é uma decisão democrática. De qualquer forma, por enquanto o recesso está mantido”, acrescentou.
Durante à tarde, Maia disse que a denúncia da Procuradoria Geral da República contra Temer seja analisada "o mais rápido possível", mas sem "atropelos”. E no encontro em Minas Gerais reforçou que é preciso respeitar a história dos pedidos de impeachment.
“O pedido de impedimento da Dilma foi aceito depois que ocorreu o afastamento dela e levou quase 250 dias para ser decidido. Alguns que queriam o impedimento no passado, agora dizem que impeachment não deveria nem existir e que no sistema presidencialista quem decide é a urna ou o TSE [Tribunal Superior Eleitoral]. Para mim, o impeachment é um julgamento muito político. É um jogo. Já a denúncia não, é mais jurídica”, opinou.

O presidente Michel Temer (dir.), ao cumprimentar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), durante coquetel (Foto: Reprodução/Twitter do Palácio do Planalto)
O presidente Michel Temer (dir.), ao cumprimentar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), durante coquetel (Foto: Reprodução/Twitter do Palácio do Planalto)

Impeachment
Rodrigo Maia também falou sobre a determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) em responder em até dez dias o motivo de não ter analisado os pedidos de impeachment contra Temer. “Vou responder em dez dias. No momento adequado. A jurisprudência é clara, entretanto acredito que as denúncias trarão todos os questionamentos que foram feitos nos pedidos de impeachment que estão na Câmara dos Deputados”, declarou.

Reformas
Sobre o atraso nas votações das reformas no Congresso, Rodrigo Maia destacou que não há ambiente na Câmara para avançar na questão da Previdência. “Mas estamos avançando nas comissões da reforma Política para que a gente possa ter, antes do final do recesso, o relatório votado. Espero que até o final do dia 18 de julho a gente tenha já votado o sistema eleitoral, o financiamento em uma comissão e o fim de coligação e a cláusula desempenho”, concluiu.

Rodrigo Maia falou com a imprensa mineira antes de participar de evento (Foto: Bárbara Almeida/G1)
Rodrigo Maia falou com a imprensa mineira antes de participar de evento (Foto: Bárbara Almeida/G1)

Encontro em MG
O motivo da visita do deputado a Uberlândia foi dialogar com cerca de 50 empresários e políticos da cidade e região sobre as reformas que estão para serem votadas na Câmara, em Brasília (DF). Rodrigo Maia chegou por volta das 20h30 em um hotel, tirou dúvidas e em seguida jantou com os presentes.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Janot diz que decisão do STF traz 'segurança jurídica' a delações


O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, afirmou nesta quinta-feira (29) que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em julgamento sobre benefícios em acordos de delação premiada traz "segurança jurídica" aos compromissos.
Nesta quinta, durante julgamento na Corte, os ministros fixaram entendimento de que benefícios a delatores podem ser revistos ao fim do processo caso eles não cumpram os deveres assumidos no acordo de colaboração.
O tribunal também firmou o entendimento de que o juiz ou órgão colegiado responsável pelo caso poderá anular o acordo de delação na sentença final caso se descubra, no decorrer do processo, fatos que demonstrem ilegalidades na negociação da colaboração, como por exemplo: corrupção do juiz, coação de uma das partes, prova falsa ou erro judicial.
Após o julgamento ser encerrado, o procurador-geral Rodrigo Janot disse que a decisão do Supremo "reafirma" a possibilidade de o Ministério Público fechar os acordos.
"O recado é: o MP, quando faz um acordo, desde que o colaborador cumpra as suas obrigações no contrato que vai ser aferido, e que não haja nenhuma ilegalidade, o MP vai entregar aquilo que se comprometeu. Dá segurança jurídica e confiança no Estado", declarou o PGR.
Janot disse ainda que, se alguma irregularidade em torno de uma delação for descoberta, o acordo tem mesmo que ser anulado.
"Se descobre que houve tortura, coação, se descobre que houve colusão entre Ministério Público e Defesa para feitura do acordo, se esse fato vem a conhecimento, esse acordo tem que ser anulado mesmo", disse o completou o procurador.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Maia tem 10 dias para dizer ao STF por que não analisou impeachment de Temer

O presidente Michel Temer (dir.), ao cumprimentar o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), durante coquetel em outubro do ano passado (Foto: Reprodução/Twitter do Palácio do Planalto)

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes deu prazo de dez dias para o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), dizer por que não analisou os pedidos de impeachment do presidente Michel Temer.
A decisão do ministro foi tomada após deputados da oposição entrarem com um mandado de segurança pedindo ao Supremo que mande Rodrigo Maia analisar os pedidos.
"Antes de apreciar o pedido de liminar, considero indispensável o conhecimento prévio das informações a serem prestadas pela autoridade impetrada. Nesses termos, notifique-se a autoridade coatora, para que preste informações no prazo de dez dias", escreveu Alexandre de Moraes na decisão.
Cabe a Rodrigo Maia, na condição de presidente da Câmara, analisar os pedidos de impeachment do presidente da República. Se um desses pedidos for acolhido, será instalada uma comissão especial na Casa (saiba mais: eventual saída de Temer levaria a eleição indireta).
Ao todo, foram apresentados 21 pedidos de impeachment do presidente desde 17 de maio, quando estourou a maior crise política do governo. Na ocasião, se tornaram conhecidas as delações de executivos da JBS no âmbito da Operação Lava Jato.
As informações dos delatores atingiram, principalmente, Temer e o senador Aécio Neves (PSDB-MG) – afastado do mandato parlamentar por ordem do STF.
Situação política de Temer
Desde então, o presidente passou a perder o apoio de alguns partidos da base aliada e, mais recentemente, foi denunciado pela Procuradoria Geral da República pelo crime de corrupção passiva.
A denúncia do Ministério Público será analisada, primeiro, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara e, em seguida, pelo plenário da Casa.
Temer já foi notificado, abrindo o prazo de dez sessões para a defesa do presidente se manifestar.
Mais cedo, nesta quinta, Rodrigo Maia defendeu que a análise da denúncia pela Câmara seja "o mais rápido possível", mas sem "atropelos".
Desde que as delações da JBS se tornaram públicas, o presidente tem rebatido todas as acusações. Sobre a denúncia do Ministério Público, Temer afirmou que é "vítima de infâmia de natureza política" e que a peça da PGR é uma "ficção".

Fonte: G1
Leia Mais ››