RÁDIO CIDADE AO VIVO

quinta-feira, abril 27, 2017

PT, PSDB e PMDB terão que devolver R$ 10,3 milhões, decide TSE


Os três maiores partidos do país – PT, PSDB e PMDB – terão que devolver aos cofres públicos cerca de R$ 10,3 milhões por supostas irregularidades em despesas realizadas em 2011, decidiu o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Na sessão desta quinta, o PT teve suas contas de 2011 desaprovadas: terá de devolver R$ 5,6 milhões e ainda ficará sem receber R$ 7,8 milhões do Fundo Partidário.
O PSDB também teve suas contas de 2011 desaprovadas, terá de devolver R$ 3,9 milhões e deixará de receber R$ 6,6 milhões do Fundo Partidário.
Já o PMDB teve as contas de 2011 aprovadas com ressalvas, e terá de devolver cerca de R$ 762 mil aos cofres públicas, sem suspensão de novos recebimentos do Fundo Partidário.
Ao analisarem as contas, os ministros do TSE verificaram diversos problemas na prestação de contas anual de 2011, referente à aplicação de dinheiro público transferido via Fundo Partidário naquele ano. A análise não leva em conta despesas com campanha nem receitas obtidas de doações privadas.
Em todas as decisões, os partidos terão que devolver os valores com recursos próprios.
PT
No caso do PT, a Corte julgou que o partido gastou parte dos recursos com serviços não autorizados pela lei, como pagamento de empréstimos junto ao Banco Rural e ao BMG – negócios considerados simulados no julgamento do mensalão.
Além disso, o partido teria transferido recursos para diretórios regionais impedidos de receber a verba e pagado servidoras públicas por serviços não comprovados.
No processo, a defesa do partido argumentou que essas despesas não eram consideradas irregulares à época.
PSDB
As contas do PSDB, por sua vez, foram desaprovadas de forma monocrática no último dia 11, pelo ministro Henrique Neves, que já deixou a Corte.
Ele considerou irregulares, por exemplo, despesas com passagens aéreas sem comprovantes dos bilhetes emitidos, despesas com diretórios estaduais sem vinculação com atividade partidária, não comprovação de gastos com hospedagem.
Em sua defesa, o partido apresentou diversos documentos que comprovariam a regularidade das despesas.
PMDB
O PMDB teve as contas aprovadas com ressalvas pelo fato de que as irregularidades somaram valor menor que 10% do que foi recebido em 2011.
Mesmo assim, foi punido por fretar aviões para viagens sem relação com a atividade partidária, não comprovar gastos com passagens aéreas e contratação de advogado para defender um filiado preso.
A defesa do partido disse que vai recorrer, sob o argumento de que as despesas não eram consideradas irregulares à época.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Edifício desaba e soterra pessoas em Cartagena, na Colômbia


Um edifício de seis andares em construção desabou em Cartagena de Indias, matando ao menos três pessoas e ferindo oito, informou à agência EFE o prefeito da cidade colombiana, Manuel Vicente Duque.
O prédio, que ficou reduzido a escombros, caiu por volta das 11h30 locais (13h30 no horário de Brasília), e as autoridades acreditam que cerca de 30 operários possam ter sido soterrados.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Polícia Nacional do Paraguai vai investigar se houve participação de policiais em mega-assalto


A Polícia Nacional do Paraguai vai investigar se houver a participação de policiais no mega-assalto a uma transportadores de valores em Ciudad del Este, no Paraguai, na madrugada de segunda-feira (24). A decisão foi anunciada nesta quinta-feira (27) durante reunião do Comando Tripartite de Segurança.
O grupo criado em 1996 e que se reúne mensalmente conta com representantes de forças policiais de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, Puerto Iguazú, na Argentina, e Ciudad del Este. O objetivo é estreitar estratégias de combate a crimes transnacionais na região, como o tráfico de drogas e de armas.
No encontro, a Polícia Nacional informou que deve apurar também se houve negligência no trabalho de buscas aos envolvidos no assalto. Na terça-feira (27), alguns membros do comando da polícia paraguaia haviam sido substituídos.
A polícia disse ainda que tinha informações de que brasileiros estavam em território paraguaio possivelmente planejando alguma ação.
“Sabíamos por meio destes informes que mantemos pelo convênio de troca de informações com o Brasil que vários criminosos brasileiros fugitivos de prisões de diferentes estados estavam no Paraguai planejando golpes a instituições bancárias e a empresas que se dedicam ao transporte de valores”, comentou o chefe de comunicação da Polícia Nacional no estado de Alto Paraná, Augusto Lima.
Suspeitos soltos
Sete dos 15 presos suspeitos de participar do assalto já foram soltos. Oito permanecem presos. A informação foi confirmada pela Polícia Federal (PF) nesta quinta-feira (27).
Cinco que estavam presos em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e tiveram a liberdade concedida pela Justiça Estadual deixaram a delegacia da PF na noite de quarta-feira (26). Um é de São Paulo, um de Rondônia, um de Cascavel e dois de Foz do Iguaçu.
No dia em que foram presos, estavam com um carro roubado. Eles foram autuados por receptação e soltos por não haver provas suficentes da participação no assalto no Paraguai.

Outros dois, presos em Guaíra quando tentavam seguir para o Mato Grosso do Sul em um carro blindado, foram libertados pela Justiça Federal e deixaram a prisão na madrugada desta quinta também por falta de provas que os liguem ao assalto, segundo o delegado federal em Guaíra, Valcley Vendramin.
A PF não deu mais detalhes sobre as decisões judiciais que determinaram a saída dos suspeitos. Segundo as investigações, acredita-se que 50 pessoas participaram do crime em Ciudad del Este, na fronteira com o Brasil.
A Polícia Nacional havia informado inicialmente que os ladrões levaram uma quantia estimada de US$ 40 milhões - o equivalente a R$ 120 milhões. Mais tarde, disse não ser possível precisar o valor roubado. Durante buscas feitas no oeste do Paraná, a polícia brasileira conseguiu recuperar cerca de R$ 4,5 milhões, em notas de real, dólar e guarani.
O Ministério Público do Paraguai determinou que até esta quinta a Prosegur informe o quanto foi roubado.
Veja a lista completa de itens apreendidos até o momento:
15 presos (segundo a PF, sete foram soltos)
3 mortos
7 fuzis
1 pistola
2 coletes balísticos
R$ 219.450,00
G$ 733.640.000,00
US$ 1.275.030,00
2 embarcações
7 quilos de explosivos
Organização criminosa
O ministro do Interior do Paraguai, Lorenzo Lezcano, acredita que conforme as primeiras evidências e a metodologia do mega-assalto à empresa Prosegur podem ser atribuídas ao Primeiro Comando da Capital (PCC). A declaração foi dada ao jornal ABC Color, na segunda.
“Tudo aponta que são integrantes do PCC", disse ele em entrevista. De acordo com o veículo, é a primeira autoridade que atribui o feito à facção criminosa do Brasil.
Lezcano assegurou também que os brasileiros tiveram apoio dos paraguaios, com um arsenal que superou a capacidade de resposta da Polícia Nacional. Ele ainda afirmou ao jornal que é a primeira vez que ocorre uma situação do tipo na região e citou pelo menos dois casos parecidos no Brasil em que a polícia também foi encurralada.
O assalto
Segundo a polícia vizinha, os ladrões fortemente armados invadiram a sede da transportadora de valores Prosegur. Eles explodiram a entrada da empresa e trocaram tiros com vigilantes. A ação durou aproximadamente três horas e eles fugiram com dinheiro.
Um policial paraguaio que estava em um carro em frente à empresa foi morto pelos bandidos.
A sede da empresa fica a 4 quilômetros da Ponte Internacional da Amizade, no oeste do Paraná.
Os funcionários da Prosegur voltaram ao trabalho na quarta. O local estava interditado por causa dos estragos causados pelas explosões durante o roubo. As aulas, que estavam suspensas desde segunda, também foram retomadas.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Fifa volta a multar CBF por homofobia de torcedores nas eliminatórias

Torcida lota Arena Corinthians para duelo entre Brasil e Paraguai pelas eliminatórias (Foto: Marcos Ribboli)

A Fifa anunciou nesta quinta-feira punições para diversas associações e federações de futebol pelo mundo. E quem não escapou foi a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), que foi multada em 35 mil francos suíços (R$ 112 mil) por "comportamento discriminatório, antedesportivo, incluindo cânticos homofóbicos" durante jogos das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia. A última partida da Seleção em casa foi a vitória por 3 a 0 sobre o Paraguai, na Arena Corinthians, em São Paulo.
Não é a primeira vez que a CBF acaba punida por conta do comportamento de alguns torcedores em jogos das eliminatórias. Na vitória por 5 a 0 sobre a Bolívia, em 6 de outubro do ano passado, na Arena das Dunas, os gritos homofóbicos renderam multa de 25 francos suíços (R$ 79 mil). Antes, o mesmo problema aconteceu contra a Colômbia, na Arena da Amazônia, o que resultou em uma multa de 20 mil francos suíços (R$ 63 mil).
A mesma punição que a CBF recebeu foi aplicada também para a argentinos e mexicanos, que terão de pagar, respectivamente, 20 mil e 10 mil francos suíços. De acordo com nota publicada no site oficial da Fifa, a entidade uma estratégia para ajudar a combater a discriminação, que inclui o guia de boas práticas da Fifa sobre diversidade.
Outras federações também foram punidas por diversos problemas. A Albânia terá de pagar 100 mil francos suíços por incidentes no jogo contra a Itália, incluindo o uso de fogos de artifícios. Por problemas na mesma partida, os italianos também foram multados em 15 mil francos suíços.
Na Ásia, o Irã recebeu uma multa de 50 mil francos suíços por incidentes no duelo contra o Irã. Problemas como fogos de artifício e superlotação no estádio foram apontados.
Segundo a Fifa, as decisões sobre as punições foram tomadas de acordo com as análises de todas as circunstâncias específicas de cada caso, levando em consideração os relatórios apresentados pelos árbitros em cada partida, além dos relatórios dos observadores.

Fonte: Globo Esporte
Leia Mais ››

Comissão da reforma da Previdência adia votação de relatório


A votação do relatório da reforma da Previdência em comissão especial da Câmara foi adiada da próxima terça-feira (2) para quarta-feira (3). O adiamento foi motivado pela baixa presença de deputados na reunião marcada para esta quinta (27).
No encontro desta quinta, os membros do colegiado fariam a última rodada de debates antes do início da votação do relatório. De acordo com o presidente da comissão, Carlos Marun (PMDB-MS), dois fatores motivaram o cancelamento da reunião.
De acordo com o deputado, a sessão de plenário, com votação da reforma trabalhista, se alongou até a madrugada, dificultando a chegada de deputados na manhã desta quinta. Ainda segundo ele, a iminência de uma greve geral na sexta (28) fez deputados adiantarem voos de retorno a seus estados.
Pelo novo cronograma, a última sessão de debates do colegiado será feita na próxima terça-feira. A votação do relatório será iniciada no dia seguinte. O presidente da comissão acredita que será possível concluir a análise na comissão ainda na semana que vem.

Fonte: G1
Leia Mais ››

PDT expulsa deputado que votou a favor da reforma trabalhista

O deputado Carlos Eduardo Cadoca durante sessão da Comissão de Turismo da Câmara em maio de 2015 (Foto: Alex Ferreira / Câmara dos Deputados)

O deputado Carlos Eduardo Cadoca (PE) será expulso do PDT por ter votado a favor do projeto de reforma trabalhista no plenário da Câmara, informou nesta quinta-feira (27) o presidente do partido, Carlos Lupi.
Na madrugada desta quinta, a Câmara aprovou a proposta, com 296 votos a favor e 177 contrários. O texto segue agora para a análise do Senado.
“Diante do resultado da votação da reforma trabalhista ocorrida na noite de ontem, em Brasília, a Executiva Nacional do PDT decide, ad referendum, pela expulsão do parlamentar Carlos Eduardo Cadoca (PE)”, informou Lupi, por meio de nota.
Segundo o documento, a medida respeita a decisão tomada na última convenção nacional do PDT, em 17 de março, quando fechou questão contrária às reformas do atual governo.
“O PDT tem suas raízes históricas e lutas sempre em favor do trabalhador brasileiro. No momento que um governo ilegítimo, imoral e sem qualquer apoio popular decide atacar diretamente as conquistas trabalhistas, o PDT tem a obrigação de ficar ao lado do trabalhador brasileiro”, concluiu.
Em nota, o deputado Carlos Eduardo Cadoca afirmou que a decisão de votar a favor das reformas da Previdência e trabalhista sempre foi explícita.
“Não agi às escondidas nem promovendo qualquer tipo de voto surpresa”, disse.
O parlamentar disse que ao ingressar no PDT, deixou claro o seu alinhamento com o governo Temer e que o partido, até então, havia anunciado uma postura de independência em relação ao Palácio do Planalto.
“Não recebo lição ética nem moral de uma figura como Carlos Lupi, presidente nacional do PDT, que foi demitido do governo Dilma acusado de corrupção. Sigo tranquilo, votando de forma independente pelo que acredito e pelo que considero melhor para o país”, concluiu o deputado.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Sete dos 15 presos suspeitos de participar de mega-assalto no Paraguai são soltos

A Polícia Nacional do Paraguai informou inicialmente que foram levados US$ 40 milhões da sede da Prosegur em Ciudad del Este, no Paraguai (Foto: Reuters Francisco Espinola)

Sete dos 15 presos suspeitos de participar do mega-assalto a uma transportadora de valores em Ciudad del Este, no Paraguai, na madrugada de segunda-feira (24), foram liberados. Oito permanecem presos. A informação foi confirmada pela Polícia Federal (PF) nesta quinta-feira (27).
Cinco que estavam presos em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, e tiveram a liberdade concedida pela Justiça Estadual deixaram a delegacia da PF na noite de quarta-feira (26). Um é de São Paulo, um de Rondônia, um de Cascavel e dois de Foz do Iguaçu.
No dia em que foram presos, estavam com um carro roubado. Eles foram autuados por receptação e soltos por não haver provas suficentes da participação no assalto no Paraguai.
Outros dois, presos em Guaíra quando tentavam seguir para o Mato Grosso do Sul em um carro blindado, foram libertados pela Justiça Federal e deixaram a prisão na madrugada desta quinta também por falta de provas que os liguem ao assalto, segundo o delegado federal em Guaíra, Valcley Vendramin.
A PF não deu mais detalhes sobre as decisões judiciais que determinaram a saída dos suspeitos. Segundo as investigações, acredita-se que 50 pessoas participaram do crime em Ciudad del Este, na fronteira com o Brasil.
A Polícia Nacional do Paraguai informou inicialmente que os ladrões levaram uma quantia estimada de US$ 40 milhões - o equivalente a R$ 120 milhões. Mais tarde, disse não ser possível precisar o valor roubado. Durante buscas feitas no oeste do Paraná, a polícia brasileira conseguiu recuperar cerca de R$ 4,5 milhões, em notas de real, dólar e guarani.
O Ministério Público do Paraguai determinou que até esta quinta a Prosegur informe o quanto foi roubado.
Veja a lista completa de itens apreendidos até o momento:
15 presos (segundo a PF, sete foram soltos)
3 mortos
7 fuzis
1 pistola
2 coletes balísticos
R$ 219.450,00
G$ 733.640.000,00
US$ 1.275.030,00
2 embarcações
7 quilos de explosivos

Líder
Autoridades do estado de São Paulo informaram que o crime foi planejado por Rogério Jeremias de Simone, o Gegê do Mangue. Ele está foragido desde o início de 2016 depois de receber liberdade provisória em um dos processos a que responde na Justiça. Depois disso ele foi novamente condenado. Segundo a polícia, Gegê fugiu para o Paraguai para reunir a quadrilha e comandar a ação.
Organização criminosa
O ministro do Interior do Paraguai, Lorenzo Lezcano, acredita que as primeiras evidências e a metodologia do mega-assalto à empresa Prosegur, em Ciudad del Este, podem ser atribuídas ao Primeiro Comando da Capital (PCC). A declaração foi dada ao jornal ABC Color, na segunda.
“Tudo aponta que são integrantes do PCC", disse ele em entrevista. De acordo com o veículo, é a primeira autoridade que atribui o feito à facção criminosa do Brasil.
Lezcano assegurou também que os brasileiros tiveram apoio dos paraguaios, com um arsenal que superou a capacidade de resposta da Polícia Nacional. Ele ainda afirmou ao jornal que é a primeira vez que ocorre uma situação do tipo na região e citou pelo menos dois casos parecidos no Brasil em que a polícia também foi encurralada.

O assalto
Segundo a Polícia Nacional do Paraguai, os ladrões fortemente armados invadiram a sede da transportadora de valores Prosegur. Eles explodiram a entrada da empresa e trocaram tiros com vigilantes. A ação durou aproximadamente três horas e eles fugiram com dinheiro.
Um policial paraguaio que estava em um carro em frente à empresa foi morto pelos bandidos.
A sede da empresa fica a 4 quilômetros da Ponte Internacional da Amizade, no oeste do Paraná.
Os funcionários da Prosegur voltaram ao trabalho na quarta. O local estava interditado por causa dos estragos causados pelas explosões durante o roubo. As aulas, que estavam suspensas desde segunda, também foram retomadas.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Prêmio da Mega para aposta de Jaciara (MT) é maior que o orçamento do município para 2017

Lotérica da cidade de Jaciara (MT), onde foi feita a aposta vencedora da Mega-Sena (Foto: Reprodução/Google Street View)

O prêmio da Mega-Sena que deverá ser pago a uma aposta feita em Jaciara, a 148 km de Cuiabá, é maior do que o orçamento do município para 2017. Enquanto o bilhete premiado deverá pagar R$ 101,5 milhões, a receita bruta estimada pelo Executivo municipal para este ano é de R$ 73,5 milhões.
O montante será dividido entre 20 apostadores. Cada um deles gastou R$ 99,22 na aposta, que foi feita na única lotérica da cidade. Esta é a primeira vez que sai um prêmio para uma aposta feita nessa lotérica.
"Isso é bom para Mato Grosso, para mostrar que não existe fraude, porque saiu numa cidade tão pequena. Ficamos felizes porque não saiu para uma pessoa só", disse Ivete Botton, funcionária da lotérica.
Jaciara tem população estimada de 26,5 mil habitantes e tem entre as principais atividades econômicas a agricultura e a pecuária. O prêmio da Mega Sena equivale a 12% da soma das riquezas do município (PIB), que é de R$ 814 milhões, conforme dados do IBGE.
As seis dezenas sorteadas do concurso 1.924 da Mega Sena na noite dessa quarta-feira (26) são 12 - 16 - 30 - 52 - 53 - 58.


Aposta vencedora da Mega-Sena foi feita em lotérica de Jaciara (Foto: Lenine Martins/Sesp-MT )Aposta vencedora da Mega-Sena foi feita em lotérica de Jaciara (Foto: Lenine Martins/Sesp-MT )
Aposta vencedora da Mega-Sena foi feita em lotérica de Jaciara (Foto: Lenine Martins/Sesp-MT )

Fonte: G1
Leia Mais ››

MORADORES FAZEM PROTESTO E FECHAM A RN-117 APÓS MORTE DE FEIRANTE EM ACIDENTE


Moradores da comunidade São João da Várzea realizaram um protesto no início da tarde desta quinta-feira (27), na RN-117, que liga Mossoró ao município de Governador Dix-sept Rosado, um dia após o acidente que resultou na morte de uma comerciante. As duas vias da rodovia foram fechadas e diversos galhos e pneus foram queimados, impedindo o trânsito no local.
Os moradores chamam a atenção das autoridades para impedir que novos acidentes ocorram no local. Eles relatam que é comum acidentes acontecerem no trecho, já que é uma curva acentuada e os veículos trafegam em alta velocidade.
Na tarde de ontem, 26, um veículo Fiat UNO com placas de Sousa-PB, perdeu o controle em trecho conhecido como "Bar da Curva". Segundo relatos de testemunhas, o condutor se deparou com outro veículo que seguia no sentido contrário e realizava uma ultrapassagem indevida.(RELEMBRE)
O condutor do UNO teria tentado desviar para evitar a batida frontal, mas acabou perdendo o controle e capotando várias vezes. No acidente, o veículo arrastou a barraca da feirante Francileide Alves Guimarães Barbosa, 40 anos. A vítima chegou a ser socorrida para o Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), onde não resistiu aos ferimentos e morreu.
Revoltados com acidente, populares fecharam a rodovia em protesto contra a falta de sinalização e atenção por parte dos órgãos públicos.


Fonte: Passando na Hora
Leia Mais ››

Dono de sucata é encontrado morto na zona rural de Caicó


No final desta manhã um corpo de um homem foi encontrado no Sítio Carnaúba, nas proximidades do Perímetro Irrigado Sabugi, zona rural de Caicó. Ele foi identificado como sendo o empresário do ramo de sucata conhecido por “Dida da sucata“.

Provavelmente Dida teve um mal súbito, caiu do cavalo em que andava e veio a óbito. O animal retornou sozinho para a residência de seu dono que fica na Rua Maria Manaia, no bairro Adjunto Dias e chamou a atenção de familiares que notaram que o animal estava bastante assustado e passaram a procurá-lo. A esposa de Dida foi juntamente com a polícia militar até o local (uma estrada carroçável) para fazer o reconhecimento do corpo encontrado.

A polícia civil foi acionada para comparecer ao local como também o ITEP para fazer os procedimentos cabíveis e a remoção do corpo. Dida era dono de uma sucata localizada no final de uma rua entre os bairros Walfredo Gurgel e o bairro Frei Damião.

Fonte: Blog F Silva
Leia Mais ››

Família traduziu 3 livros de jovem sumido no Acre


O desaparecimento do estudante de psicologia Bruno Borges, de 25 anos, morador do Acre, completa um mês nesta quinta-feira. Durante esse período, a família dele vem se dedicando a traduzir os 14 livros criptografados deixados no quarto do jovem. Três deles já foram decifrados. Enquanto busca entender as mensagens deixadas pelo filho, o empresário Athos Borges afirma que o sentimento presente todos os dias é a angústia.
— Infelizmente, todo dia é mais um dia de angústia. A gente está torcendo para que isso acabe logo, para que possamos a voltar a viver normalmente — afirmou o pai do estudante ao EXTRA.
Athos contou que três amigos da família estão ajudando a traduzir os livros de Bruno. Quanto ao conteúdo do trabalho, o pai do jovem disse que o plano é publicar o significado dos registros apenas após o término da decodificação.
— Por enquanto, não vamos dizer nada sobre o conteúdo dos livros, só quando terminarmos a tradução de todos eles. Aí, sim, pensaremos em divulgar as mensagens escritas por Bruno — acrescentou.
Bruno completou 25 anos na última sexta-feira, e seu perfil em rede social recebeu mensagens de parabéns. O pai do estudante ressaltou que sempre envia mensagens para o filho, mas não consegue entrar em contato com ele. Apesar disso, mantém a esperança de que o jovem esteja em segurança e de que retornará para casa.
— Sempre enviamos mensagens para ele, mas acho que ele não tem acesso à internet. Com coração de pai, acredito que vai ficar tudo bem — disse Athos.
Ainda que não haja indícios de que tenha ocorrido algum crime, segundo o secretário de Polícia Civil do Estado do Acre, delegado Carlos Flávio Portela, a polícia está investigando as informações adquiridas e checando os locais onde Bruno poderia estar.
— Tudo indica que ele saiu voluntariamente e não foi vítima de nenhum crime. Temos investigado. Nós checamos todas as informações e mantemos contato com a família dele, mas ele pode estar em qualquer lugar, seja nas proximidades ou em países vizinhos. Fazemos incursões para checar locais de difícil acesso e seguimos o rastro do jovem até ele desaparecer. Também advertimos as pessoas sobre a necessidade de enviar informações se souberem de algo — afirmou o secretário.
Relembre o caso
O estudante Bruno Borges desapareceu em Rio Branco, no Acre, deixando em seu quarto 14 livros escritos a mão e criptografados, além de uma estátua do teólogo italiano Giordano Bruno (1548-1600), avaliada em R$ 7 mil.
Segundo os parentes, o estudante vinha trabalhando havia 20 dias num projeto em seu quarto — o local não tem mobília e as paredes foram preenchidas com escritos. Os pais de Bruno estavam viajando quando ele realizava esse projeto e os irmãos não desconfiaram de nada.
Segundo o delegado Carlos Flávio contou à época, o jovem deixou a casa levando com ele um celular, um HD e algumas peças de roupas. O celular não está sendo utilizado.
O delegado afirmou que dois amigos de Bruno revelaram que ele já havia manifestado a intenção de se isolar durante algum tempo, mas sem revelar onde.
Desde que o caso ganhou repercussão, internautas tentam decifrar os códigos deixados por Bruno. Uma teoria sobre os escritos chama atenção para a semelhança com o
“Manual do Escoteiro Mirim”, história infantil com aventuras de Huguinho, Zezinho e Luisinho, sobrinhos do Pato Donald.
O livro saiu das páginas dos quadrinhos para livrarias e bancas de jornal durante os anos 1970. No ano seguinte, a primeira edição trazia curiosidades como o alfabeto em código morse e como se orientar usando a posição do sol. O leitor conhece o “código marciano”, por meio do qual pode criar mensagens secretas para conversar com os amigos.

Fonte: O Globo
Leia Mais ››

Casal é flagrado fazendo sexo em plena luz do dia no Seridó potiguar


A Polícia Militar já havia recebido a denúncia, contudo não havia feito o flagrante. Só que um morador que passou no local e se sentiu incomodado e resolveu tirar uma foto para chamar a atenção de Casais que usam a Praça da Rodoviária para fazer sexo em plena luz do dia. Na foto se observa toda a parte abdominal introduzida entre as paredes, contudo o movimento pélvico foi flagrado por todos que passaram na região. E vale ressaltar que na hora da onça beber água, no momento que a pupila dilata e o coração acelera, onde os casais vivem momentos de paixão, precisa de ter todo cuidado, pois isso é crime.
No Brasil, transar em local público é considerado crime de ato obsceno. O procedimento prescrito pela lei diz que, ao ser flagrado pela polícia, o casal será levado à delegacia.
“A pena para ato obsceno é de no mínimo três meses e no máximo um ano. A pessoa deve se comprometer a comparecer em juízo para não ser presa em flagrante, e uma transação penal será feita, em que haverá aplicação de pena”, diz Hugo Crepaldi Neto, professor de processo penal da PUC-SP.

Fonte: Jota Dantas
Leia Mais ››

Duas facções do crime ameaçam invadir CE com exército de 500 “irmãos”


A guerra das facções do crime no Ceará ganhou um novo capítulo nas redes sociais nas últimas horas. Após o acordo feito entre promotores de Justiça e membros da organização criminosa Guardiões do Estado (GDE), com o aval do Governo do Estado, para evitar novos atentados em Fortaleza, um “salve geral” (comunicado) foi dado conjuntamente pelos grupos Comando Vermelho (CV) e Família do Norte (FDN).
Os criminosos ameaçam invadir Fortaleza com um exército de 500 “irmãos” das duas facções, caso as autoridades locais não retirem de dentro do Presídio do Carrapicho, em Caucaia, cerca de 70 presos que seriam membros da GDE.
“Nós do Comando Vermelho e Família do Norte queremos só uma coisa de todos vocês (autoridades), que tirem esses GDE de perto de nós e mandem eles para as cadeias que eles dizem que são deles, no caso, a CPPL 2, a unidade do Torão do Juazeiro do Norte e o Olavo 2 (Presídio professor Olavo Oliveira 2). São essas as cadeias em que eles predominam, então joguem esses vermes pra lá”, diz o comunicado que está sendo espalhado pelas redes sociais.
Reforço?
E as ameaças continuam: “Nós queremos tirar nossa cadeia em paz e, caso vocês façam o que a GDE quer, iremos descer 500 irmãos nossos e juntar com os que têm aqui no Ceará. Aí o estado verá a força do Comando Vermelho e da Família do Norte. E se vocês gostam de guerra, podem ter a certeza que o Ceará viverá uma verdadeira guerra civil. E não pensem que nós vamos fazer que nem os GDE fizeram não (queimar ônibus, colégios, hospitais e etc), viu? Nós iremos atacar o ponto fraco de vocês”. E prossegue: “Caso precise de apoio de outros estados, nós iremos pedir e vamos botar pra gerar”.
A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) e a Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejus) não se pronunciaram sobre o fato.

Fonte: Ceará News 7
Leia Mais ››

Deputado Rogério Marinho é investigado no STF por fraude em terceirizada


O relator da Reforma Trabalhista, deputado federal Rogério Marinho (PSDB-RN), está sendo investigado em um inquérito aberto no Supremo Tribunal Federal por seu envolvimento em uma empresa terceirizada que coagia funcionários demitidos a renunciar às verbas rescisórias e a devolver a multa do FGTS. Através das fraudes, segundo o Ministério Público do Trabalho (MPT), a companhia se apropriou ilegalmente de R$ 338 mil devidos a mais de 150 trabalhadores.

O inquérito 3386 aponta indícios de que o deputado federal mantém sociedade com Francisco das Chagas de Souza Ribeiro, responsável pela gestão da Preservice Recursos Humanos. A Preservice é uma tradicional fornecedora de mão de obra terceirizada – porteiros, faxineiros e cozinheiros – para o poder público em Natal, capital do estado do relator. A suposta atuação de Rogério Marinho para favorecer o empresário em licitações é um dos objetos da investigação, que levou a Procuradoria Geral da República (PGR) a pedir, em 2015, a quebra do sigilo bancário do deputado.

“Não mantenho quaisquer vínculos com a empresa Preservice Recursos Humanos Ltda, não possuindo, portanto, responsabilidades trabalhista e societária relativas a essa empresa”, afirmou o deputado.

Em seu relatório sobre a reforma, Marinho propõe diminuir o pagamento do FGTS e das verbas rescisórias, justamente os itens fraudados pela empresa. O deputado também afirma que o seu trabalho de relatoria “não guarda relação com interesses específicos defendidos por quaisquer empresas ou grupos empresariais”.

Durante anos, a Preservice prestou serviços à Secretaria de Educação de Natal. Em data próxima ao término de um contrato com a secretaria, em 2012, os empregados foram convocados ao escritório da empresa e avisados de que seriam demitidos. Foi dito na ocasião que, para serem recontratados por uma das terceirizadas que passariam a atender o município, eles teriam que devolver o valor correspondente à multa de 40% do FGTS – o que foi feito por 118 trabalhadores.

Segundo o MPT, a Preservice também obrigou 161 empregados a assinarem a demissão com data retroativa. A fraude serviu para burlar o pagamento do aviso prévio não trabalhado. A empresa foi condenada pelas práticas, flagradas originalmente por auditores fiscais do Ministério do Trabalho. Em dezembro de 2016, o Tribunal Superior do Trabalho (TST) manteve a sentença que demanda da Preservice, pelas fraudes, uma indenização de R$ 500 mil por danos morais. 

Fonte: Blog do Toinho Filho
Leia Mais ››

Navio russo e barco de carga colidem na costa do Mar Negro

Imagem de 1999 mostra navio russo Liman, que afundou após colisão nesta quinta-feira (27) no Mar Negro (Foto: AP Photo/Efrem Lukatsky, FILE)

Um navio militar russo e um barco de carga colidiram nesta quinta-feira (27) na costa do Mar Negro, informa a agência de notícias Reuters. Após a colisão, todas as 78 pessoas que estavam a bordo foram retiradas e o navio russo afundou, disse a autoridade de segurança costeira da Turquia.
A autoridade não deu detalhes sobre o barco de carga ou a condição de sua tripulação, mas disse apenas que ele tem com a bandeira do Togo.
"Às 11h53 (5h53, pelo horário de Brasília), um navio dos serviços de informação da Frota do Mar Negro, o 'Liman' sofreu uma rachadura em seu caso por causa de uma colisão" con outro barco, a cerca de 40 km ao noroeste do estreito de Bósforo, diz um comunicado do Exército russo, que não cita danos à tripulação.
A agência GAC disse que a colisão ocorreu em condição de nevoeiro e baixa visibilidade.
Primeiramente a agência Reuters informou que 45 soldados foram resgatados do navio russo e outros 15 estão desaparecidos.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Caminhões pegam fogo após batida de frente na rodovia PR-445

Caminhões pegam fogo após batida de frente na rodovia PR-445

Um homem morreu e outro teve o corpo queimado em um acidente entre dois caminhões na rodovia PR-445, entre Londrina e Tamarana, no norte do Paraná, na tarde de quarta-feira (26). De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), os veículos bateram de frente próximo ao distrito de Guaravera.
Conforme o Corpo de Bombeiros, um dos veículos envolvidos carregava tonéis de tiner, um tipo de solvente, e, com o impacto da batida, os dois pegaram fogo. O motorista de um dos caminhões morreu no local e o outro condutor foi levado ao Hospital Universitário de Londrina com ferimentos graves.
Devido a esse acidente, a rodovia PR-445 ficou interditada das 16h às 22h. Na manhã desta quinta-feira (27), o trecho onde ocorreu a batida será interditado para a retirada do caminhão, que segue na pista.


Caminhões ficaram destruídos em acidente na PR-444, em Rolândia (Foto: Reprodução RPC)Caminhões ficaram destruídos em acidente na PR-444, em Rolândia (Foto: Reprodução RPC)
Caminhões ficaram destruídos em acidente na PR-444, em Rolândia (Foto: Reprodução RPC)

Rolândia
Mais tarde, por volta das 19h40 de quarta-feira, na rodovia PR-444, em Rolândia, dois caminhões e um carro se envolveram em um acidente. De acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), os caminhões bateram de frente e pegaram fogo. O automóvel não conseguiu frear e acabou se envolvendo na batida.
O motorista de uma das carretas morreu no local do acidente e outro ficou ferido. O condutor do carro não se feriu.

Fonte: G1
Leia Mais ››

Exame de sangue detecta ressurgimento de câncer com 1 ano de antecedência

Descoberta pode levar a exame de sangue para detectar sinais de câncer (Foto: Science Photo Library)

Médicos britânicos conseguiram identificar o retorno de um câncer um ano antes dos exames tradicionais, em uma descoberta animadora para o combate à doença.

A equipe conseguiu rastrear no sangue sinais de câncer quando este era apenas um pequeno amontoado de células invisíveis a raio-X e tomografia.

Isso deve permitir aos médicos tratar o tumor mais cedo, o que também aumentaria as chances de curá-lo.

O estudo também pode levar a novas ideias para remédios contra câncer, após notar como DNA instável permite a rápida evolução do tumor.

A pesquisa focou em câncer de pulmão, mas os processos estudados são tão básicos que as descobertas devem poder ser aplicadas a outros tipos de câncer.

O câncer de pulmão é o que mais mata no mundo, e o principal objetivo do estudo era acompanhar o seu desenvolvimento - a ponto de se espalhar por todo o corpo.

Exame de sangue

Para verificar se um câncer pode estar voltando, os médicos precisam saber o que exatamente têm de rastrear. Por isso, partiram de amostras de tumores de pulmões removidos durante cirurgias.

Uma equipe no Instituto Francis Crick, em Londres, analisou, então, o DNA defeituoso dos tumores para obter um "mapa genético" do câncer de cada paciente.

A cada três meses, eram realizados exames de sangue para verificar se pequenos vestígios do DNA do câncer teriam reaparecido.

Os resultados, divulgados na publicação científica "Nature", mostraram que a recorrência do câncer pode ser identificada cerca de um ano antes do prazo normal de métodos atuais disponíveis na medicina.

Os tumores costumam ter, em geral, um volume de cerca de 0,3 milímetros cúbicos quando são detectados por exames de sangue convencionais.

Esperança

Para Cristopher Abbosh, do Instituto de Câncer UCL, a descoberta é significativa.

"Nós podemos identificar pacientes para fazerem o tratamento mesmo quando eles ainda não têm qualquer sinal clínico da doença e também monitorar como as terapias estão evoluindo."

"Isso representa uma nova esperança para combater o retorno do câncer de pulmão após a cirurgia, algo que acontece em cerca de metade dos pacientes", afirmou.

Por enquanto, esse novo método tem sido eficiente ao alertar sobre a volta do câncer para 13 dos 14 pacientes que apresentaram reincidência da doença. E a descoberta ajudou também a identificar quem estava livre, sem indícios da doença.

Em teoria, seria mais fácil curar um câncer que ainda está muito pequeno, no início, do que fazê-lo quando ele já está grande e visível de novo.

No entanto, são necessários mais testes para confirmar a eficácia do método.

Chales Swanton, do Instituto Francis Crick, disse à BBC: "Nós podemos agora organizar testes clínicos para responder à questão fundamental - se você tratar a doença das pessoas quando não há evidências de câncer em uma tomografia ou em um raio-X, você terá mais chances de conseguir curá-la?"

"Nós esperamos que seja isso. Que se nós começarmos a tratar a doença quando existem apenas algumas poucas células cancerígenas no corpo, nós aumentaremos a chance de curar um paciente", completou.

Janet Maitland, de 65 anos, é uma dos pacientes participando dos testes.

Ela viu o câncer de pulmão tirar a vida de seu marido e acabou diagnosticada com a doença no ano passado.

"Era meu pior pesadelo, o câncer de pulmão, então foi como se o meu pior pesadelo se tornasse realidade. Fiquei aterrorizada e devastada."

Ela passou por cirurgia e teve seu tumor retirado - agora os médicos dizem que ela tem 75% de chance de ficar livre da doença pelos próximos cinco anos.

"Eu pensava que nunca mais iria melhorar e agora sinto como se estivesse vivendo um milagre", afirmou.

Evolução

O exame de sangue é, na realidade, a segunda grande descoberta feita pelos cientistas envolvidos 

em um vasto projeto que pesquisa o câncer.
A primeira descoberta, considerada chave nas pesquisas, foi sobre o papel da instabilidade do DNA na reincidência do câncer.

Diversas amostras de 100 pacientes contendo 4,5 trilhões de pares de bases de DNA foram analisadas. O DNA é "empacotado" em conjuntos de cromossomos que contêm milhares de instruções genéticas.

A equipe no Instituto Francis Crick mostrou que os tumores que apresentavam "caos cromossômico" maior - a capacidade de remodelar facilmente grandes quantidades de DNA para alterar milhares de instruções genéticas - tinham mais chances de voltar.

Charles Swanton, um dos pesquisadores, disse à BBC: "Você tem um sistema ali em que uma célula cancerígena pode alterar seu comportamento rapidamente ganhando ou perdendo cromossomos ou partes de cromossomos."

"É a evolução 'bombada'".

Isso permite que o tumor desenvolva resistência a remédios, a capacidade de se esconder do sistema imunológico e de se deslocar para outros tecidos do corpo.

'Animador'

A primeira implicação da pesquisa será para o desenvolvimento de remédios - entendendo o papel-chave da instabilidade cromossômica, cientistas poderão achar formas de contê-la.

"Espero que sejamos capazes de desenvolver novas formas de limitar isso e que possamos reduzir a capacidade de evolução de tumores - e quem sabe até fazer com que eles parem de 'se adaptar'", observou Swanton.

Os cientistas dizem que só estão começando a entender as descobertas que serão possíveis por meio da análise do DNA de cânceres.

Fonte: Bem Estar
Leia Mais ››